"Superlua" no dia 23 de junho

Superlua
A Lua cheia de 23 de junho será uma superlua. O evento acontece quando o satélite está no ponto de sua órbita mais próximo da Terra e aparenta ser maior e mais brilhante do que as outras luas cheias do ano. O termo científico para o fenômeno é perigeu lunar.
Segundo o site da Nasa, a Agência Espacial Americana, a Lua segue uma trajetória elíptica em volta da Terra. O ponto mais próximo é chamado de perigeu e se localiza cerca de 50 mil quilômetros mais perto do nosso planeta do que o apogeu (ponto mais distante). Por isso, as luas cheias que acontecem no perigeu parecem ser maiores e mais brilhantes. No entanto, sem instrumentos para medir o diâmetro lunar, a superlua se parece como qualquer outra.
A melhor hora para se observar e registrar o fenômeno é quando a Lua está próxima do horizonte. Nessa situação é possível compará-la com edifícios, árvores ou qualquer outro objeto que sirva como referência.
A proximidade da Lua pode aumentar um pouco as marés, mas a Nasa informou que não há razão para se preocupar: as variações serão de apenas alguns centímetros a mais do que o normal.
 

O fenômeno deixa a Lua maior e mais brilhante e acontece quando o satélite chega ao seu ponto mais próximo da Terra


Um momento propício para se tirar belas fotografias, segundo astrônomos, o melhor momento para observar a Lua é quando ela ainda está perto do horizonte e em contraste com árvores e prédios, ela parecerá ainda maior.

Colaboração de  Fernando Jacomini de Castro
Fonte:NationalGeographicBrasil
Video: euronewspt

Nenhum comentário:

Postar um comentário